Quem sou eu?

domingo, 25 de julho de 2010 às 21:09
Pouco me importa quem sou eu. Me definir não mudaria nada em minha vida. Conseguir me encaixar ou fugir totalmente das convenções, qual é o propósito? Se há tanto pos aí já fazendo isso por mim, sem que eu peça, por que devo me preocupar em me definir?

É divertido, confortável viver sem saber quem eu sou. A cada dia, quando acordo, me surpreendo com uma nova atitude, sou um desconhecido para mim e nunca sei o que esperar. Nunca sei quando venho de bom humor ou de mal humor. Se vou acordar disposto ou já cansado. Afinal, não me conheço.

As vezes tenho a impressão que eu já me vi antes. Quando olho no espelho, tenho quase certeza que já vi aquela pessoa que me encara com a face mimetizando a minha, mas não.. era só alguém parecido. Sou um anônimo, sou sem nome, sou desconhecido. Se nem eu me conheço, quem dirá os outros, aqueles que tentam me dizer quem sou.

Tentam dizer que sou homem, que sou boa pessoa, que sou estudioso, um devasso, sem rumo, certo, errado, louco, sóbrio, são, medroso ou corajoso. Pouco importa. Definições são palavras e pessoas são atitutes. Impossível dizer quem é quem. Hoje posso ser eu mesmo, amanhã alguém completamente novo. Posso ser você enquanto você sou eu.

Podemos ser quem a gente quiser. É só querer. E não nos atermos as definição. E no final das contas, depois de tantos ditos e não ditos, quando deitamos a cabeça no travesseiro e dormimos, a espera de um novo dia para sermos outro novamente.. nessa hora, somos ninguém... somos nada.

1 Responses to Quem sou eu?

  1. Ah, se definir dá muito trabalho, teria que ser uma atividade diária, pois à cada dia somos uma pessoa diferente.