E daí?

domingo, 3 de julho de 2011 às 18:58
E daí se eu te amo de uma maneira tão insuportavelmente grande que, pra não te sufocar, prefiro nem te dizer? 
E daí se eu gosto de te ver pegar no sono nos meus braços? 
E daí se eu gosto de acordar e sentir o teu cheiro cru e puro logo pela manhã? 
Edaí se meu dia fica melhor quando você me dá um sorriso? 
E daí se o teu beijo tem um gosto de tudo o que é melhor nesse mundo? 
E daí se a cor dos teus olhos são motivos para os meus pensamento fugirem do controle? 
E daí se a tua pele tocando na minha causa arrepios, cócegas e mais mil sensações que eu nem sei descrever?
E daí se você já sabe disso tudo sem que eu precisa te dizer, por que eu não consigo esconder nada de ti?
E daí se mesmo eu sendo adulto, perto de ti, sou uma criança novamente? 

Eu não me importo, você não se importa. 
E a gente é feliz assim. 
Então, e daí?

1 Responses to E daí?

  1. E daí se eu gostei muito da postagem?

    E daí se eu me animo toda vez que vejo atualizações no delírio e deleite?

    E daí se eu acompanhei e percebo uma enorme diferença do Pê quanto ao modo que encara seus sentimentos?

    E daí?

    Abração, meu amigo!